segunda, 09 de abril de 2018 - 23:14h
Luz para Todos cada vez mais perto de virar realidade em Mazagão
Foi anunciada a assinatura do contrato para a implantação, na Justiça Federal, em Macapá
Por: Gabriel Penha
Foto: Divulgação/PMMz
Prefeito Dudão Costa e lideranças no prédio da Justiça Federal

 

O programa federal Luz para Todos está cada vez mais próximo de virar realidade no Município de Mazagão. Depois de seis audiências, foi anunciada nesta segunda-feira, 9, a assinatura contrato com entre o Ministério de Minas e Engergia e Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), Eletronorte e Eletrobras para a efetivação do programa, em comunidades do interior mazaganense.

A assinatura aconteceu na sede da Justiça Federal, em Macapá e contou com a participação do prefeito Dudão Costa (PPL), do presidente da Câmara de Vereadores, José Hosana Silva (PSB), vereador Leonício Filho (PSDB), além de lideranças das comunidades que deverão ser beneficiadas com o programa. Os trabalhos foram coordenados pelo juiz federal João Bosco da Costa Soares.

 

“É uma conquista do povo. Agradecemos muito ao juiz João Bosco, que chamou as entidades interessadas para que o programa se concretizasse”, assinala o prefeito Dudão.

A previsão é que o programa seja iniciado nessas regiões ainda em 2018.

O programa

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, o programa federal Luz para Todos tem como objetivo levar energia elétrica a famílias do meio rural de todo o Brasil. Criado em novembro de 2003, o Programa visa acabar com a exclusão elétrica no País e prover acesso à eletricidade, gratuitamente. A iniciativa é coordenada pelo Ministério de Minas e Energia, operacionalizado pela Eletrobras e executado pelas concessionárias de energia elétrica e cooperativas de eletrificação rural em parceria com os governos estaduais e municipais.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

MAZAGãO - Prefeitura Municipal de Mazagão
Rua Presidente Vargar Nº 101, Centro - CEP 68940-000 - - brito_mz@hotmail.com
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2018 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá